☯ O Estilo Fei Hok Phai

Grão Mestre Chiu Ping Lok

Criador do estilo Fei Hok Phai

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/16

 

O termo Fei Hok Phai pode ser traduzido como (estilo da garça voadora) Phai (estilo) Hok (garça) e Fei (voar, voando).

Dos monges que escaparam da destruição do templo Shaolin Kung Kei Kung e Fong Si Yiu, são os mais importantes para nós e foi por intermédio deles que surgiram os estilos da garça (Hok Phai) e os estilos do tigre (Hung Ka).

Hung ka é um dos principais estilos da escola dura (Wai Chia) também conhecido como Hung Gar é um estilo do sul da China, mas expandiu-se por todo o país. Juntamente com os estilos Choy Lee Fut e Wing Chun formam o trio mais sistemático e perfeito de todos os estilos chineses.

A base do estilo Fei Hok Phai, é formada por cinco técnicas aprendidas por Chiu Ping Lok em Hong Kong, sendo elas: Hung Tão Choy Mey Gar, Hung Gar, Mo Gar, Tai Chi Chuan, Yang Gar e Noi Kun, todos estilos do sul da China, além disso Mestre Chu Ping lok desenvolveu a arte Hatha Yoga, assim podemos encontrar no estilo Fei Hok Phai as características da escola interna (Wei Chia). Já no Brasil, Mestre Chiu Ping Lok, compilando o que de melhor aprendeu dessas técnicas, introduzindo-as no país com o nome de Fei Hok Phai. O Nome do Fei Hok Phai liga-se diretamente à imagem da garça em vôo, pois tal como essa representação, Mestre Lope como conhecido no Brasil também viera de tão longe, e com uma bagagem muito abrangente e portadora de sementes que viriam a florescer no Brasil, local aonde seu estilo cresceu e desenvolveu. O estilo Fei Hok phai possui diversas rotinas que podem ser praticadas individualmente (TUI SEK) ou em dupla (TUI TCHÁ).